P U B L I C I D A D E

sábado, 1 de julho de 2017

ADOLESCENTE DE 16 ANOS É APREENDIDO APÓS MATAR DESAFETO DE 14 ANOS EM SOBRADINHO II.

Por volta de 1h de sábado, 01/07, policiais militares do 13º Batalhão de Sobradinho apreenderam um adolescente de 16 anos por homicídio e tentativa de homicídio na Avenida Central, conjunto 11 de Sobradinho II. O adolescente, na companhia de outro menor de idade, efetuou quatro disparos de arma de fogo conta um desafeto, de 14 anos, na quadra de esporte na AR 15 da cidade e ainda tentou contra a vida de um outro indivíduo, que tentou ajudar o adolescente, alvejado pelos disparos de arma de fogo.

A equipe do prefixo 3063, composta pelo sargento Marcelo Campos e cabo Claudio Paiva, recebeu a informação do prefixo de Sobradinho II, sobre um cidadão alvejado por quatro disparos de arma de fogo, na Avenida Central da cidade e que a vítima estaria sendo socorrida ao hospital de Sobradinho por populares, em um veículo VW Gol de cor preta.

Os policiais realizaram contato no HRS onde a vítima teria dado entrada em estado gravíssimo, com morte cerebral e em contato com testemunhas, receberam informações importantes sobre a autoria dos disparos de arma de fogo.

Diante das informações, os policiais solicitaram apoio ao Águia-33 e deslocaram até a casa onde o autor dos disparos estaria escondido. Na casa os policiais apreenderam o adolescente de 16 anos, que confessou ter efetuado os disparos contra a vítima. O autor disse que estava na companhia de outro menor de 14 anos e que a arma usada teria sido levada por seu comparsa. O comparsa não foi localizado.

O adolescente foi conduzido à DCA, juntamente com outra vítima, que na tentativa de ajudar o menor alvejado pelos disparos, foi lesionada na cabeça, pelo o cano do revólver, enquanto o adolescente apertava o gatilho por diversas vezes, sem êxito, pois a arma já se encontrava sem munição.

Na DCA, os policiais receberam a confirmação de que a vítima que estava no HRS veio a óbito. Diante da situação o adolescente foi autuado em flagrante por homicídio e tentativa de homicídio.

Claudio Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário