P U B L I C I D A D E

terça-feira, 16 de agosto de 2016

GTOP-33 DESMONTA “BOCA DE FUMO” E PRENDE TRAFICANTE COM COCAÍNA, MACONHA E DINHEIRO, EM SOBRADINHO.

A DROGA APREENDIDA FOI AVALIADA EM R$5.000,00 E RENDERIA R$15.000,00 APÓS SER MISTURADA E VENDIDA À USUÁRIOS.

Por volta das 21h40 de terça-feira, 16/08, policiais militares do GTOP-33 prenderam em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, Hector dos Santos, 21 anos,  na quadra 13, conjunto B de Sobradinho. Com ele foram apreendidas cerca de 500 gramas de cocaína, “escama de peixe” 120 gramas de maconha, dinheiro e uma balança de precisão.

A equipe Charlie do GTOP-33, composta pelo sargento Salvo, cabos Ibernon e Péricles, realizava patrulhamento na quadra 11 de Sobradinho quando abordou um veículo Renalt Clio e com o condutor foi localizado 50 gramas de maconha e dinheiro. O indivíduo disse que teria comprado a droga na quadra 13 e indicou o local para os policiais.

No local indicado, os policiais abordaram o suspeito, na frente de uma residência, que segundo ele, seria sua casa, porém os policiais realizaram contato com o proprietário e esse desmentiu que tal indivíduo morasse lá, apenas teria usado uma das dependências da casa.

Com autorização do proprietário os policias revistaram o local, onde o indivíduo teria adentrado, e lá foram apreendidas 40 trouxinhas de cocaína, 120 gramas de maconha, R$149,00 em dinheiro, uma balança de precisão e cerca de 500 gramas de cocaína pura. 

A droga apreendida foi avaliada em pelo menos R$5000,00 e renderia R$15.000,00, após ser vendida para usuários. O indivíduo foi conduzido à 13ª Delegacia e autuado pelo crime de tráfico de drogas.

Claudio Martins

3 comentários:

  1. Quem avaliou essa muamba aí é entendido??? 500 gramas de cocaína pura teria um valor bem mais alto no mercado.

    ResponderExcluir
  2. a grama é 30, 500 gramas pura se faz de 2 a 3 kg eu acho numa perspectiva pessimista a conta seria 30 vezes 2000 gramas que é igual 60 000 reais e eu não cheiro essa porcaria, mas hoje o que vemos é uma feira livre em todo lugar, esse regime opressor se mostrou ineficiente e ineficaz, logo a solução seria o oposto legalizar e cobrar os devidos impostos. e por sinal bem alto, quer se matar entupido de drogas recreativas, vai pagar e bem caro para o governo.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir