P U B L I C I D A D E

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

POLICIAIS CIVIS E MILITARES APREENDEM ADOLESCENTES ACUSADOS DE ASSASSINAR POLICIAL MILITAR, DOIS ADULTOS TAMBÉM FORAM PRESOS NA OPERAÇÃO.



As Polícias civil e militar apresentaram na tarde desta terça-feira (4/9) dois adolescentes acusados do assassinado do policial militar Romerio Carneiro de Mello, 25 anos, no último domingo (2) as 12h15 após um acidente de trânsito sem vítima, em uma via do bairro Arapoanga, em Planaltina. 

O policial era lotado no Batalhão da PM Paranoá, os autores colidiram a moto que pilotava contra o carro do policial militar. A vítima que estava na companhia da esposa gravida de 6 meses, desceu do veículo para ajudar os ocupantes da moto quando foi morto a queima roupa com 3 tiros. Os assassinos fugiram na moto de cor preta levando a arma do policial. 
Nesta terça-feira (4) a Polícia localizou a pistola .40 municiada, e um e um revolver calibre 38 provavelmente usado no crime na casa de dois homens maiores, que foram presos. Na casa de um dos adolescentes envolvido na morte do militar foi apreendido meio quilo de maconha e uma balança de precisão e celulares.
Desde os primeiros minutos que o crime foi comunicado para as Policia Civil e Militar de Planaltina, as duas corporações se unirão, as investigações contaram com agentes da seção especializada em crimes violentos da 31ª Delegacia de Polícia, chefiada pelo delegado Neto Tavares, e o serviço de inteligência do 14º BPM, com apoio dos Gtops, Rotam e Bope até a apreensão dos dois adolescentes na tarde de segunda-feira (3). e apresentação dos acusados neste terça-feira (4).
Durante as investigações os policiais levantaram que a moto envolvida no acidente e usada pelos assassinos para fugir era roubada, o veículo foi localizado na segunda-feira (3) totalmente queimada em uma área de cerrado em Planaltina, sendo levada para a delegacia. Com depoimentos de testemunhas e evidências, mais o material recolhido na perícia, a Polícia mapeou toda a área, levantando as identidades dos autores. 

Um policial militar, que fazia diligencia na busca dos assassinos reconheceu a foto do acusado como sendo seu irmão de criação e resolveu apresentá-lo para policiais do serviço reservado da PM, que o encaminhou a 31ª Delegacia onde também foi feita a apreensão do segundo envolvido.
Apreendido o adolescente, que já tem passagem, revelou aos policiais nesta terça-feira onde tinha jogado as armas, tanto o revólver usado para matar o policial militar, como a pistola 24/7 calibre .40 pertencente a vítima. Segundo o menor, após matar o policial teria jogado as armas em um córrego localizado sob uma ponte na DF 128 proximidade do morro da capelinha em Planaltina.   
Policiais civis e militares levaram o menor ao local indicado. Uma equipe de policiais militares sem nenhuma proteção ou equipamentos apropriados para mergulho entraram na água.  As buscas duraram cerca de uma hora e meia com apoio de uma pequena embarcação.
Durante os trabalhos no córrego os policiais receberam a noticia  que as armas não estariam  ali, teriam sido apreendidas pela Polícia Civil  em poder  de dois homens identificados como Liomar Gonsalves Ferreira Braga, o fraldinha, e Danilo Siqueira ambos de 20 anos e com passagens pela Polícia por homicídio e tentativa de homicídio, além de porte ilegal de arma de fogo.
Segundo o delegado Neto Tavares, o crime foi motivado pelo acidente de trâ,nsito e não por vingança, o policial adiantou que as investigações não param com a apreensão dos autores que serão encaminhados a DCA, enquanto Danilo e Liomar serão autuados por posse de arma na 31ª DP em Planaltina.
Por Ferreira Santos Especial para o Informativo Flagrante

Um comentário:

  1. Parabéns a todos os envolvidos na captura destes criminosos. Que a justiça seja feita!

    ResponderExcluir