P U B L I C I D A D E

quarta-feira, 20 de junho de 2012

GTOP-33 PRENDE TRAFICANTE EM SOBRADINHO II E FORAGIDO DA JUSTIÇA EM SOBRADINHO I


Nesta quarta-feira, 20/06, por volta das 18h20 a equipe de GTOP-33, comandada pelo subtenente Valtencir e composta pelos cabos Alysson Xavier, Carneiro e Salvo, patrulhavam uma área de intenso tráfico de drogas em sobradinho II e na altura do conjunto 12, depararam com dois indivíduos próximos um do outro como se estivessem negociando algo. 

Os policiais fizeram a abordagem e na revista pessoal um dos abordados jogou uma pedra grande de crack ao chão. O outro indivíduo jogou uma porção de maconha no chão, colocou outra porção na boca e engoliu.

Com o suspeito que jogou a pedra de crack no chão foi encontrada a quantia de R$ 10.00 e informou que a droga seria para seduzir uma mulher. Diante dos fatos os suspeitos foram conduzidos à 35ª Delegacia de Polícia, onde o indivíduo que assumiu a posse do crack foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e o outro indivíduo autuado por uso e porte de drogas.

Por volta das 20h40, a mesma equipe realizava abordagens na quadra 18 conjunto A de Sobradinho, quando desconfiaram de um indivíduo que aparentemente deu o nome falso aos policiais e demonstrava bastante nervosismo. 

Diante da fundada suspeita, o cidadão foi conduzido à 13ª Delegacia de Polícia, onde foi constatado que em seu desfavor  havia um mandado de prisão pelos crimes de furto.

Ilsane Sales Lima foi preso e encaminhado ao cárcere do DPE onde ficará a disposição da justiça.


Claudio Martins


Um comentário:

  1. É mentira! O rapaz Hemerson Leandro Rodrigues Gomes, acusado de participar do assassinato do professor Andre Luiz, travesti conhecido por Renata na cidade de sobradinho, não foi preso em via pública alguma conforme publicado pela imprensa. Ele recebeu voz de prisão no balcão da vara do tribunal do juri de sobradinho quando procurava informações sobre o processo que o acusa de participar de tal crime. Se tivesse com intençao de fugir passaria longe do fórum. Ele também não estava foragido, sequer foi intimado da decisão que decretou sua prisão preventiva. Isso é historinha de agentes da polícia que querem se promover às em cima da tragédia alheia. Podem ir atras da verdade que vocês acharão. Tem muita coisa estranha aí. Pode estar havendo uma injustiça. Há muitas controvérsias sobre o caso. O rapaz pode estar sendo vítima de bode expiatório, já que a moda agora é achar um culpado, mesmo que este não tenha qualquer ligação com o delito; o importante é encerrar o caso e se promover com isso; como no caso Villela. Enfim...Tem caroço nesse angu.

    ResponderExcluir