P U B L I C I D A D E

segunda-feira, 19 de março de 2012

ROMÁRIO: COPA SERÁ O "MAIOR ROUBO DA HISTÓRIA"

Foto: Pedro Ladeira/Folhapress_Celso Pupo/Folhapress
Baixinho solta o verbo e escreve em seu Facebook que "vamos passar vergonha" com o Mundial de 2014; segundo o deputado, se continuarem a acontecer coisas "erradas" e "estranhas", como a reunião de Dilma com Blatter, o evento "será uma merda"

BRAIL247 – Já não é novidade que o ex-jogador de futebol e deputado federal Romário (PSB-RJ) se mostra insatisfeito com a organização da Copa do Mundo de 2014. Durante as discussões da Lei Geral da Copa, votada na Comissão Especial da Câmara, o político foi um dos que mais protestou e até hoje afirma que o texto “está longe do ideal”.

Nesse sábado, o ex-atacante voltou a soltar o verbo em um nota publicada em seu perfil no Facebook, criticando principalmente a reunião que aconteceu na última sexta-feira entre a presidente Dilma Rousseff e o presidente da Fifa, Joseph Blatter, em Brasília. Para Romário, faltou a presença de pessoas importantes envolvidas com a Lei Geral da Copa, como o presidente da comissão, Renan Filho.

A Copa, segundo o deputado, “não será a melhor e nós vamos passar vergonha”. Se continuarem acontecendo coisas “erradas” e “estranhas” – a exemplo da reunião –, escreve Romário, ela “será uma merda”. Por fim, o ex-jogador afirma que o pior ainda está por vir e que “vai acontecer o maior roubo da história do Brasil”.

Leia abaixo a íntegra do texto escrito por Romário:
Tem coisas que só existem no nosso País, ou melhor, só acontecem no nosso País. O presidente da FIFA vem ao Brasil e se encontra com a presidente Dilma. Até ai perfeito! Nesse encontro estão presentes Aldo Rebello, ministro dos Esportes, ok; Pelé, embaixador honorário do Brasil para a Copa do Mundo de 2014, ok; Ronaldo, conselheiro do Comitê Organizador Local (COL), ok. Só uma pergunta: qual dessas pessoas tem a ver com a Lei Geral da Copa?

Nenhuma. O presidente da comissão da Lei Geral da Copa, Renan Filho, não estava lá. O relator da Lei da Copa, Vicente Cândido, também não. O presidente da Casa onde será votada a lei, Marco Maia, também não estava presente. E muitos outros que tem muito a ver com a Lei Geral da Copa, não estavam presentes. Na minha concepção de político, a política vai de mal a pior. E o povo tem total razão de reivindicar e cobrar principalmente mais seriedade e responsabilidade das pessoas que tem autonomia para decidir coisas importantes como essa (Copa do Mundo).

Não vou me aprofundar muito, mas é uma pena, ouvir nas rádios, ver na TV, abrir os jornais e ler que o governo federal se uniu a FIFA para que a Copa do Mundo seja a maior de todos os tempos. Uma mentira descabida! Não será a melhor e nós vamos passar vergonha. Se continuar acontecendo coisas erradas e estranhas como esse encontro do Blatter com pessoas que não são ligadas a Lei Geral da Copa, ela será uma merda. E o governo federal está enganado o povo. E a presidente Dilma está sendo enganada ou se deixando enganar.

Brasileiros, continuem cobrando e se manifestando porque essa palhaçada vai piorar quando tiver a 1 ano e meio da copa. O pior ainda está por vir, porque o governo deixará que aconteçam as obras emergenciais, as que não precisam de licitações. Ai vai acontecer o maior roubo da história do Brasil. Ai eu quero ver se as pessoas que apareceram sorrindo na foto durante a reunião de ontem vão querer aparecer. Esse Brasil é um circo e os palhaços vocês sabem bem quem são.

Fonte: http://brasil247.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário