P U B L I C I D A D E

domingo, 15 de janeiro de 2012

GTOP-33 PRENDE HOMEM EM SOBRADINHO II ACUSADO DE PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO E DISPARO EM VIA PÚBLICA

Sábado, 14/01, por volta das 17h10, policiais do GTOP-33, “Alfa” e “Bravo”, composto pelos sargentos Márcio Batista e Torres Viana, cabo Sevilha e soldados Eduardo Souza, De Paiva e Avelar, faziam patrulhamento na cidade e receberam a informação via CIADE de uma briga entre vizinhos, com disparo de arma de fogo, no Condomínio Residencial Sobradinho conjunto “C” próximo a casa 13.
Os policiais chegaram ao local informado e depararam com uma mulher com o rosto machucado e seu marido, Dayen Willy, 40 anos, que segundo testemunhas teria efetuado um disparo de arma de fogo no portão do vizinho, onde acontecia uma festa.

Segundo a esposa de Dayen, Valdilene Silva, 40 anos, ela teria ido a casa do vizinho, reclamar do barulho e foi agredida por pessoas que estavam na festa. Seu marido teria chegado e presenciado ela sendo agredida, sacou uma arma que portava e disparou na direção de um dos indivíduos, porém o cidadão correu e fechou o portão da residência, que ficou com a marca do disparo.

Os policiais perguntaram onde estaria a arma de fogo e a esposa disse que teria guardado dentro de casa. Valdilene entrou em casa, pegou a arma e entregou para os policiais. A arma, uma revolver calibre .38, cromado, estava sem munição, o cidadão disse que havia uma só munição e teria jogado a capsula em um terreno baldio.

Os policiais apreenderam a arma e encaminharam as pessoas envolvidas na briga até a 35ª Delegacia de Polícia. Dayen foi autuado pelo delegado Welington Barros por porte ilegal de arma de fogo e disparo em via pública, pagou uma fiança de R$1250,00 e  responderá pelo crime em liberdade.


Claudio Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário