P U B L I C I D A D E

sábado, 17 de dezembro de 2011

GTOP-33 APREENDE MENOR ASSALTANTE E DUAS ARMAS DE FOGO EM SOBRADINHO

O SUSPEITO, APÓS O ASSALTO, ENTROU EM BAR PRÓXIMO À DF-440 E FOI SURPREENDIDO PELOS POLICIAIS JOGANDO SINUCA E BEBENDO CERVEJA.

Neste sábado, 17/12, por volta das 19h30, dois homens armados entraram na farmácia Nossa Pharma, no Condomínio Lara, Nova Colina, anunciaram o assalto e mandaram que os clientes e funcionários deitassem no chão, enquanto roubavam os celulares das vítimas e o valor de R$ 53,00 do caixa. 

Ameaçaram de morte o gerente da farmácia para que dissesse onde estava o cofre do estabelecimento, porém o funcionário disse não ter um cofre na loja. Os bandidos pegaram o que puderam, fugiram a pé, sentido DF-440, e tomaram rumo ignorado.

Os policiais do GTOP-33 que estavam fazendo patrulhamento na área do Nova Colina tomaram conhecimento do assalto e foram na captura dos suspeitos. A guarnição do GTOP-33 “Alfa”, comandada pelo sargento Márcio Batista e composta pelo sargento Torres Viana, cabo Sevilha e soldado Eduardo Souza, fazia patrulhamento próximo a um bar no Km 19 da DF-440, quando percebeu um indivíduo que estava jogando sinuca e bebendo cerveja no bar com as características de um dos suspeitos, passadas anteriormente pelos funcionários da farmácia, e no momento que avistou a guarnição correu dos policiais e jogou uma mochila que estava nas costas em um lugar escuro do lado de fora do bar. 

Os policiais detiveram o homem e na abordagem pessoal foram encontrados com ele um celular de umas das vítimas e R$ 53,00 em espécie, dentro da mochila os policiais encontraram duas armas de fogo, sendo um revólver calibre .38 com duas munições intactas e um calibre .32 com seis munições intactas.

Diante da situação os policias apreenderam R.B.S., 17 anos, que confessou sua participação no assalto. Ele foi conduzido à DCA e responderá por ato infracional análogo a roubo e porte ilegal de arma de fogo.

O menor disse à reportagem que é traficante, está devendo para um fornecedor uma quantia de R$1.200,00 e foi ameaçado de morte caso não pagasse a quantia. Ele está envolvido com tráfico de drogas há uns dois anos e há alguns dias ele teria enterrado dois quilos de maconha em um terreno baldio no Novo Setor de Mansões do Nova Colina, porém alguém encontrou e levou a droga. “Essa é a primeira vez que sou preso e a primeira que roubo alguém, pois estou desesperado para pagar a droga que me levaram”, desabafa.

Os policiais estão à procura do outro envolvido no assalto e a qualquer momento sua prisão poderá ser feita.

A equipe de GTOP-33 “Alfa” contou com apoio dos prefixos de GTOP-33, “Bravo” e “Charlie”.

Claudio Martins

Nenhum comentário:

Postar um comentário