P U B L I C I D A D E

segunda-feira, 2 de maio de 2011

AMEAÇA DE BOMBA NO PRÉDIO DO ANTIGO CDS EM SOBRADINHO MOVIMENTA PM DO 13º BPM, O BOPE E FUNCIONÁRIOS.

Uma ameaça de bomba por volta das 10h25 da manhã desta segunda-feira, (2/5), quebrou a rotina de funcionários, professores crianças e seguranças do CRAS/ Centro de Referência e Assistência Social mobilizaram dezenas de policiais militares do 13º BPM e de outras unidades especializadas além do Corpo de Bombeiros. Tudo isso por causa de um trote. O fato aconteceu no antigo prédio do CDS localizado na quadra 6 área especial de Sobradinho. 

Todos foram surpreendidos com a chegada dos policiais e do esquadrão ante bomba. A CIADE – Central Integrada de Atendimento Despacho e Emergência da Policia Militar recebeu por volta das 10h26, à denúncia através do número de emergência (190). A informação dava conta que tinha uma bomba no prédio do antigo CDS onde hoje funciona o CRAS/CREAS. A CIADE mobilizou equipes especializadas do BOPE, que estiveram no local e viaturas do 13º Batalhão de Sobradinho.

O prédio teve que ser evacuado para isolamento e trabalho das equipes ante bomba do BOPE – Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar. Após realizarem uma varredura com equipamentos apropriados e cães farejadores, não foi encontrado nenhum artefato ou vestígios de bomba e o local foi liberado pela Polícia. A Polícia Militar considerou a ocorrência como mais um trote.

Informações de um segurança foi que, todas as pessoas tiveram ser retiradas do prédio,  as crianças que ficam em uma área reservado tiveram que serem retiradas e colocadas dentro dos ônibus escolares e levadas para um local seguro. 

Nestes casos o aparato mobilizado pela Polícia Militar é grande. São necessários varias guarnições da Policia para isolamento do local, interdição no transito, evacuação das pessoas, carro de emergência do Corpo do Corpo de Bombeiros são acionados. Além de quebrar a rotina das pessoas causa transtornos aos moradores. O prejuízo se torna ainda maior quando se trata de trote, pois todas as denúncias desta natureza são checadas pela Polícia mesma que se trate de trote. 

No país várias pessoas respondem na justiça por esta prática criminosa que é a de passar trote para os serviços de emergência. Um bom exemplo de ação contra estes vândalos vem de Londrina norte do Paraná, o Ministério Público local investiga os desocupados que passam trotes para o SAMU, Bombeiros e Polícia, eles poderão responder a processos na justiça.

Por Ferreira Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário